19/06/2009

AC/DC

Banda australiana de rock and roll formada pelos irmãos Angus e Malcon Young.

O AC/DC tem como principal ícone o guitarrista Angus Young que com o seu estilo marcante de tocar guitarra contagia os fãs da banda.AC/DCA História do AC/DC

Tudo começa com George Young, irmão mais velho de Malcon e Angus. George tocava numa banda de rock chamada Easybeats. Angus e Malcon, influenciados por George, aprenderam a tocar guitarra e foram logo formando suas próprias bandas. Malcon participava de bandas de garagem até entrar no Volvet Underground. Já Angus montou sua própria banda, a Tantrum, que chegou a tocar em festas escolares.

No ano de 1971 os irmãos Young uniram se para a formação de uma única banda, nasce assim o AC/DC. O nome da banda é uma abreviação de alternating current/direct current que em português significa Corrente Alternada/Corrente Continua, designação esta que estava escrita numa máquina de costura da família.

A estreia da banda ocorreu no clube noturno Sydneys Chequers em 1973. Era uma festa de virada de ano.

A primeira formação do AC/DC ficou da seguinte forma:

Angus Young - guitarra solo
Malcon Young - guitarra base.
Colin Buges - bateria
Van Knedt - baixo
Dave Evans - vocal

Com a rotina dos ensaios esta formação seria trocada, Colin Burges saiu do grupo dando lugar a Ron Carpenter. No baixo Van Knedt saiu e foi substituído por Rob Bailey. Carpenter não durou muito tempo na batera e foi trocado por Russel Colemam que posteriormente seria trocado por Peter Clarck.

O primeiro single do AC/DC foi Can i Set Nest To You Girl Rock in The Parlou. Nesta altura a banda era composta por Angus, Malcon, Bailey, Clarck e Evans.

Quem assumia a função de baterista do AC/DC não durava muito tempo no posto. Peter Clarck saiu da bateria e foi trocado pelo motorista da banda de nome Bon Scott. Ao assumir a batera Bon trouxe consigo Bruce Houwe, substituto de Rob Bailey no baixo.

Dave Evans, primeiro vocalista do AC/DC não se encaixou no estilo de voz que Angus e Malcon queria para a banda. Evans então teve que deixar a banda. Foi ai então que Bon Scott topou encarar o vocal deixando a bateria para Mark.

George Young percebeu que a banda de seu dois irmãos tinha futuro e resolveu entrar no AC/DC, dando um toque de profissionalismo ao grupo. George assumiu o lugar de Bruce no baixo.

Em Fevereiro de 1975 o AC/DC lançou o seu primeiro álbum, High Voltage, gravado em apenas 10 dias. Em seguida veio o álbum TNT e no ano seguinte Dirty Deeds Done Dirty Cheap.

Em 1977, saiu There Be Rock, disco que contêm o primeiro hit da banda, a musica Whole Lotta Rosie. Durante a turnê do disco, Angus expulsou Mark da banda após uma briga. O substituto de Mark foi Cliff Willians que está na banda até hoje.

Em 1978 foi lançado Power Rage. Dos shows em que a banda fez ao vivo foi reunido um grande numero de fitas de áudio. Deste material saiu o disco ao vivo If You Want Be you've Go It.

Já em 1979 saiu o álbum clássico Highway To Hell, em português; "Estrada para o Inferno", o melhor disco da era Bon Scott. O nome deste álbum faz referência ao disco do Led Zeppelin, Starway to Heaven.

O nome do disco e a capa chamaram atenção da mídia e de religiosos. Bon Scott aparece com dois chifres na cabeça. Estrada para o Inferno fez com que o AC/DC fosse visto como uma banda satânica adoradora do demônio.

Criou se a má fama da banda , vista como uma péssima influência para a juventude. Esta visão da banda foi ainda mais reforçada quando um assassino chamado Nigth Crower foi preso. O serial killer declarou que era fã do AC/DC.

Sendo má fama ou não, a questão é que tais acontecimentos repercutiram bastante na mídia, fatos que fizeram com que o AC/DC ficasse conhecido internacionalmente.

Em 1980 aconteceu um fato trágico e ao mesmo tempo macabro com um dos integrantes do AC/DC. O vocalista Bon Scott foi encontrado morto num banco de um carro. Ele havia bebido tanto que morreu sufocado com seu próprio vômito.

Mesmo com a morte de Bon, o AC-DC continuou em frente. Para assumir o vocal da banda foi chamado Brian Jonhson, Vocalista indicado por um fã que morava nos Estados Unidos.

Em 1980 foi lançado Back In Black, álbum que entrou para a história do rock após atingir a marca de 10 milhões de copias vendidas. Back In Black foi distribuído com um encarte preto em homenagem a Bon Scott.

No início da década de 80, o AC/DC já era reconhecido como uma das maiores bandas do rock mundial.

Em 1981 foi lançado For Those Dont to Rock - We Solut You, disco que atingiu o número 1 da Billbord.

Em 1983 gravaram Flick Of The Switch. Nesta altura, o baterista Phil Rudd, viciado em drogas, foi dispensado da banda.

A procura de um novo batera, o AC/DC colocou um anúncio numa revista de rock sem informar de que se tratava do AC/DC. Um jovem de 20 anos chamado Simon Wrigth foi fazer o teste, quando chegou ao estúdio ficou surpreso ao saber que estava sendo testado pra participar de uma das maiores bandas de rock da época.

Simom foi escolhido como novo baterista da banda e só sairia do AC-DC após ser chamado para tocar na banda de Ronnie James Dio de quem era grande fã.

Em 1985 saiu Fly On the Wal e, no ano seguinte Made Who, álbum que faz parte da trilha sonora do filme "Maximum Overdrive", dirigido por Sthepen King.

Desde o ano 2000 o AC/DC não lançava um álbum. Somente em 2008 o mais recente álbum da banda, o disco Black Ice.

Discografia do AC/DC

1975 - High Voltage
1975 - T.N.T.
1976 - Dirty Deeds Done Dirt Cheap
1977 - Let There Be Rock
1978 - Powerage
1979 - Highway to Hell
1980 - Back In Black
1981 - For Those About to Rock We Salute You
1983 - Flick of the Switch
1985 - Fly on the Wall
1986 - Who Made Who
1988 - Blow Up Your Video
1990 - The Razors Edge
1995 - Ballbreaker
2000 - Stiff Upper Lip
2008 - Black Ice

Nenhum comentário:

Postar um comentário

<<